Fertilização "In Vitro"
Boa noite! Curitiba, 23 de Outubro de 2014   Português English Español

Ferftilização "In Vitro" Simplificada

Vídeo "Infertilidade Causas e Soluções"

A FIV SIMPLIFICADA raramente utiliza os inibidores da ovulação. A quantidade de medicamentos necessária é bem menor que na FIV Convencional. Gasta-se, em medicamentos, aproximadamente R$2.000,00 na Simplificada e entre R$ 4.000,00 a R$ 7.000,00 na Convencional.

A monitoragem da ovulação é realizada por apenas 2 ou 3 ultra-sonografias transvaginais, dispensando os exames de sangue diários.

Na FIV SIMPLIFICADA uma mulher, sem sérios problemas de ovulação, produz três a seis folículos, número suficiente para a obtenção de três a quatro embriões o que resulta em 40% de sucesso em cada tentativa de FIV, 10% de gestações gemelares e 1% de trigêmeos.

Não é permitido transferir mais que quatro embriões. Embriões excedentes devem ser congelados. Embriões congelados podem ser transferidos posteriormente quando a gestação falhar ou para obtenção de segunda gestação. As chances de sucesso com a transferência de embriões congelados é a metade daquela em que se transfere embrião fresco. Embriões congelados podem ser mantidos indefinidamente, doados para outros casais ou após três anos utilizados em pesquisa de células tronco embrionárias. O congelamento de embriões acarreta custos e, às vezes, dilemas importantes. A FIV Simplificada evita o congelamento de embriões.

O excesso de medicamentos pode levar ao hiperestímulo ovário severo com riscos a saúde da mulher, além do desconforto de muitas injeções e dores abdominais.

A FIV Convencional estimula a ovulação visando produzir dez a vinte óvulos. Para que produzir tantos óvulos, se necessitamos apenas dois ou três embriões? Qual o destino dos óvulos não utilizados? Consideramos um exagero transferir três ou quatro embriões para uma mulher jovem ou pequena.

Quando os ovários respondem mal a indução da ovulação a utilização de doses elevadas de medicamentos geralmente não melhoram os resultados.

Por que a FIV Simplificada tem tantas vantagens e não é utilizada em todas clínicas?

A FIV Simplificada foi desenvolvida durante os 25 anos de exaustivos trabalhos nesta área. Quando nasceu nosso primeiro bebê de proveta em 02/05/1986 a técnica de FIV era complexa e a eficácia baixa, razão pela qual procurávamos obter o maior número de óvulos e embriões, visando melhorar os resultados. Os conhecimentos e os recursos evoluíram, tornando-se hoje, extremamente fácil, realizar a FIV com ótimos resultados necessitado apenas três ou cinco óvulos, para obter dois a três bons embriões e excelente índice de sucesso (40% de gestações por tentativa, chegando a 50 ou 60% em mulheres jovens).

Se trabalharmos com mais óvulos ou embriões aumentaremos a ocorrência de trigêmeos e quadrigêmeos o que não é interessante.

Muitos médicos necessitam de um grande número de óvulos pois não conseguem resultados satisfatórios trabalhando com poucos.

Princípios básicos necessários para a FIV Simplificada.

Rua Atílio Bório, 710 - Alto da XV - Curitiba/PR
Fone/FAX: 41 3262-1242 - duvidas at centrodefertilidade dot com dot br